Sejam bem vindos!
Se vocês gostam de saber novidades sobre livros e filmes está no lugar certo!

Resenha: Draco saga - O Despertar (Vol.1)

Autor: Fábio Guolo
EditoraAutores Paranaenses 
Páginas: 251
Sinopse: IMAGINE ENTRAR EM COMA, acordar alguns anos depois e descobrir que sua sociedade e sua cultura estão sendo destruídas por uma praga que se propaga mais rápido do que é possível conter.
  A praga, porém, somos nós. Humanos, mortais, gananciosos, sedentos por poder e riqueza em um mundo novo. Mundo este já anteriormente dominado por seres de inteligência muito superior que nos permitiram viver em paz em seus domínios por muito tempo. No entanto, não valorizamos a liberdade que nos fora dada. Agora o preço a pagar pode ser alto demais.

Citação do livro: “Eu já esboçava entender porque os humanos eram tão carnais em suas relações. Todos os impulsos e sentidos físicos de um corpo humano levam a uma desejável relação física.”




O despertar é o vol. 1 da série Draco saga do Fábio guolo e que chegou para mim pelo book tour do selo brasileiro. Quando o livro chegou aqui eu não tinha expectativas nenhuma para ele, e por isso eu demorei a lê-lo, mas como eu tinha um praso para entregar...

Quem nós nos essa estória é Dryfr, um dragão que após acordar de um longo sono vê que seu mundo está sendo destruído por uma praga. Essa praga que foi levada para o seu mundo por causa de uma magia mal sucedida dos elfos, e essa praga somos nós, os seres humanos. Que estamos acabando com o mundo que os dracos conheciam e ainda por cima estamos desafiando eles, seres totalmente superiores a nós, em suas percepções. Então o livro se desenvolve na decisão dos dracos de acabar com os seres humanos, egoístas e que estão destruído o mundo todo, porém isso não é tão fácil assim pois os seres humanos sabem da existência dos Dracos e criaram armas contra eles para combatê-los e é ai que eles tem uma idéia brilhante... 


Bom, vamos ao que eu achei do livro. O livro é recheado de criticas as atitudes humanas incoerentes, o autor em algumas partes me fez pensar em muitas atitudes que nós tomamos e que vai contra tudo o que nós mesmos “acreditamos”, pois no livro tínhamos a visão dos dracos de nós. Este livro foi de uma leitura fácil e rápida e que o livro tem bastantes sacadas espíritas, então se você não gosta desse estilo nem tente, pois o livro todo é recheado de alusões a espíritos, evolução e etc...  Mas sem deixar a parte de ficção do livro de lado, uma coisa também que se tornou obvia foi a inspirarão do autor nos jogos de RPG, pois ele usa alguns conceitos dos jogos no livro, como a palavra "mana" (que o meu namorado, que também era viciado em jogos de RPG, disse querer dizer energia para realizar alguma magia no jogo)
O livro é diferente de tudo o que tem saido e esse foi um dos motivos para eu gostar da história. 
Porém o autor podia ter explorando mais sobre as outras raças que existiam nesse mundo além dos humanos e ter expandido o local onde se passa a estória do livro, porque eu senti que o livro foi meio superficial e não deu muitos detalhes que enriqueceriam bastante a trama. Mas a estória em si é muito boa e espero que no próximo livro ele explore mais os elementos que ele tem em suas mãos e ai sim a estória vai dar um up muito bom. No geral a estória foi muito leve e boa.

É isso pessoal, espero que tenham gostado e comentem!

2 comentários:

maria cândida 8 de junho de 2011 02:19  

oi lindo, o blog o post. também bastante interessante...fiz a vc esta visitinha... gostaria muito que me visitasse e ser seguir ficarei ainda mais feliz... e com certeza retribuirei.. seguindo também só vc deixar seu recadinho com seu link no comentário um abraço aguardo sua visitinha
www.mulherquesecuida.com

Postar um comentário

  © NOME DO SEU BLOG

Design by Emporium Digital